Atualidade

ADN germinativo: fator determinante no diagnóstico e tratamento do cancro do ovário, pâncreas, próstata e mama

07 Ago. 2019

No último ano, vários estudos mostraram que os doentes oncológicos que têm mutações nos genes BRCA no seu ADN germinativo respondem melhor a um tipo de tratamento conhecido como inibidores Polimerase de poli ADP ribose (PARP). Especialmente aqueles doentes com cancro do pâncreas, cancro da próstata e, sobretudo, cancro do ovário e cancro da mama triplo negativo, intimamente relacionados a mutações dos genes BRCA1 e BRCA2.

Por favor faça ou registe-se para aceder a este conteúdo

Newsletter

Apoios

MylanTakedaNorgine